booki

-10%

REDES DE ENERGIA ELÉCTRICA - UMA ANÁLISE SISTÉMICA 4ª ED.

ISBN: 9789898481412

Autor: JOSÉ PEDRO SUCENA PAIVA

Editora: IST PRESS

Número de Páginas: 787

Idioma: Português

Data Edição: 2015

40,95 €45,50 €
Poupa: 4,55 € | desconto de 10%

A procura de energia segura e sustentável, essencial para o desenvolvimento económico e social, é um desígnio prioritário da humanidade.

A energia eléctrica (vulgo, electricidade) é a forma mais nobre e segura de energia, contudo, não é uma fonte primária, mas um veículo energético. O seu uso requer a existência de uma rede eléctrica de dimensão continental, que permite conduzir a energia desde os centros produtores até junto de cada consumidor.

O Sistema de Energia Eléctrica, compreendendo a produção, o transporte, a distribuição e o consumo, é uma das máquinas mais complexas jamais concebidas por cientistas e engenheiros. É uma das realizações tecnológicas mais importantes do mundo moderno.

Este livro é um manual de ensino universitário em língua portuguesa, testado ao longo de anos no Instituto Superior Técnico. O seu objecto é a análise das redes de energia eléc-trica, numa óptica sistémica, com um nível apropriado aos cursos de licenciatura e mestrado em engenharia electrotécnica e de computadores. Poderá também ser útil para os engenheiros de sistemas de energia que pretendam revisitar conceitos fundamentais, ou aperfeiçoar conhecimentos em domínios específicos da sua arte.

A 4ª edição, que agora se publica, foi revista para atualizar dados estatísticos e alguma gralhas remanescentes da edição anterior.
CAPÍTULO 1
INTRODUÇÃO
1.1 Evolução Histórica da Energia Eléctrica
1.2 Formas de Energia
1.3 O Contexto Energético4
1.4 Energia Eléctrica e Ambiente
1.5 O Sistema de Energia Eléctrica
1.6 Redes Eléctricas
1.7 A Rede Eléctrica Portuguesa
1.8 Sumário
Anexo 1-A
Anexo 2-A

CAPÍTULO 2
CONCEITOS BÁSICOS
2.1 Introdução
2.2 Energia e Potência. Diagrama de Carga
2.3 Potência em Sistemas de Energia Eléctrica
2.4 Sistema Eléctrico Trifásico
2.5 Valores por Unidade
2.6 Transmissão de Energia
2.7 Caracterização das Cargas
2.8 Sumário

CAPÍTULO 3
MÁQUINA SÍNCRONA
3.1 Introdução
3.2 Princípio de Funcionamento
3.3 Força Electromotriz
3.4 Reacção do Induzido
3.5 Características de Funcionamento
3.6 Fórmulas da Potência Activa e Reactiva
3.7 Efeito da Saliência
3.8 Modos de Funcionamento
3.9 Estabilidade da Marcha Síncrona
3.10 Sumário

CAPÍTULO 4
TRANSFORMADOR E MÁQUINA ASSÍNCRONA
4.1 Transformador
4.2 Máquina Assíncrona
4.3 Sumário

CAPÍTULO 5
LINHA ELÉCTRICA DE ENERGIA
5.1 Introdução
5.2 Resistência e Condutância Transversal
5.3 Reactância Longitudinal
5.4 Admitância Transversal
5.4.6 Cabo Subterrâneo
5.5 Modelo da Linha em Regime Estacionário
5.6 Linha Terminada pela Impedância de Onda
5.7 Capacidade de Transporte
5.8 SumárioCAPÍTULO 6
TRÂNSITO DE ENERGIA
6.1Introdução
6.2 Sistema com Dois Barramentos
6.3 Sistema com n Barramentos
6.4 Solução do Trânsito de Energia
6.5 Método de Gauss-Seidel
6.6 Controlo das Potências Transitadas
6.7 Representação das Cargas
6.8 Método de Newton-Raphson
6.9 Método do Desacoplamento
6.10 Modelo de Corrente Contínua
6.11 Programas de Trânsito de Energia
6.12 Barramento de Balanço Distribuído
6.13 Análise de Contingências
6.14 Sumário

CAPÍTULO 7
CORRENTES DE CURTO-CIRCUITO
7.1 Introdução
7.2 Corrente e Potência de Curto-Circuito
7.3 Curto-Circuito de um Gerador Síncrono
7.4 Modelos dos Elementos da Rede
7.5 Cálculo das Correntes de Curto-Circuito Simétrico
7.6 Método das Componentes Simétricas
7.7 Propriedades das Componentes Simétricas
7.8 Impedâncias Simétricas
7.9 Curto-Circuitos Assimétricos
7.10 Cálculo Digital das Correntes de Curto-Circuito
7.11 Sumário

CAPÍTULO 8
CONTROLO DE FREQUÊNCIA E DE TENSÃO
8.1 Introdução
8.2 Controlo Frequência-Potência Activa
8.3 Regulador de Velocidade
8.4 Controlo de Uma Rede Isolada
8.5 Controlo de Redes Interligadas
8.6 Controlo Terciári
8.7 Controlo Tensão-Potência Reactiva
8.8 Regulador de Tensão
8.9 Injecção de Potência Reactiva
8.10 Transformadores com Regulação de Tensão
8.11 Sumário

CAPÍTULO 9
ESTABILIDADE TRANSITÓRIA
9.1 Introdução 9.2 Estabilidade Estática e Transitória
9.2 Estabilidade Estática e Transitória
9.3 Gerador Ligado a uma Rede Infinita
9.4 Modelo da Máquina Síncrona
9.5 Regime Transitório Electromecânico
9.6 Grandes Perturbações: Critério da Igualdade das Áreas
9.7 Aplicações do Critério da Igualdade das Áreas
9.8 Extensão a um Sistema com Duas Máquinas
9.9 Solução no Domínio do Tempo por Integração Numérica
9.10 Modelo Completo
9.11 Técnicas para Aumentar a Estabilidade Transitória
9.12 Sumário

CAPÍTULO 10
SOBRETENSÕES ETRANSITÓRIOS ELECTROMAGNÉTICOS
10.1 Introdução
10.2 Sobretensões Atmosféricas
10.3 Propagação de Ondas Electromagnéticas em Linhas
10.4 Sobretensões de Manobra
10.5 Cálculo Digital de Transitórios Electromagnéticos
10.6 SumárioCAPÍTULO 11
TRANSMISSÃO EM CORRENTE CONTÍNUA
11.1 Introdução
11.2 Potência Transmitida em C.C. e em C.A.
11.3 Vantagens da Transmissão em Corrente Contínua
11.4 Aplicações da Transmissão em Corrente Contínua
11.5 Sistemas de Transmissão em Corrente Contínua
11.6 Conversor Trifásico em Ponte
11.7 Comutação da Corrente entre Válvulas
11.8 Funcionamento como Inversor
11.9 Conversor a 12 Pulsos
11.10 Sistema de Transmissão em C.C. Biterminal
11.11 Harmónicas e Filtros
11.12 Controlo dos Sistemas de Transmissão em C.C.
11.13 Estabilidade do Sistema de Controlo de Corrente
11.14 Trânsito de Energia para Sistemas C.A./C.C.
11.15 Sumário

CAPÍTULO 12
ELEMENTOS DE ANÁLISE ECONÓMICA E FINANCEIRA
12.1 Introdução
12.2 Valor Temporal do Dinheiro
12.3 Custo da Energia Produzida
12.4 Preços de Mercado
12.5 Avaliação Económica do Investimento
12.6 Sumário

CAPÍTULO 13
OPERAÇÃO OPTIMIZADA
13.1 Introdução
13.2 Despacho Económico sem Perdas
13.3 Despacho Económico com Perdas
13.4 Método dos Coeficientes B
13.5 Modelo das Perdas pelo Método do Nó de Balanço
13.6 Coordenação Hidro-Térmica
13.7 Trânsito de Energia Optimizado
13.8 Estimação de Estado
13.9 Diagrama de Transição de Estado
13.10 Sumário

CAPÍTULO 14
ORGANIZAÇÃO E GESTÃO DO SISTEMA ELÉCTRICO
14.1 Introdução
14.2 A Reestruturação do Sector Eléctrico
14.3 Características da Energia Eléctrica
14.4 A Vertente Ambiental
14.5 Modelos Organizacionais do Sistema Eléctrico
14.6 Directivas Europeias
14.7 Quadro Legal em Portugal
14.8 Regulação do Sector Eléctrico
14.9 Mercados de Electricidade
14.10 Mercado Ibérico de Electricidade (MIBEL)
14.11 Rede de Transporte
14.12 Cálculo dos Preços Nodais
14.13 Sistema Tarifário Português
14.13.6 Tarifa de Comercialização
14.13.7 Tarifa de Clientes Finais
14.14 Qualidade da Energia Eléctrica
14.15 Produção Descentralizada
14.16 O Futuro: Hidrogénio
14.17 Sumário
BIBLIOGRAFIA
ÍNDICE REMISSIVO
José Pedro Sucena Paiva é professor catedrático no Instituto Superior Técnico. A sua atividade nas áreas da energia e do ambiente tem-se realizado na universidade e na indústria.

É licenciado em Engenharia Electrotécnica pelo Instituto Superior Técnico, 1966, doutorado (Ph.D.) pelo Imperial College of Science and Technology, Londres, 1972, e agregado pelo Instituto Superior Técnico, 1978.

É Life Senior Member do IEEE - Institute of Electrical and Electronics Engineers (New York), Membro Conselheiro e Especialista em Engenharia e Gestão Industrial da Ordem dos Engenheiros, Membro da Sociedade de Geografia de Lisboa.

É Presidente do Conselho de Ambiente e Sustentabilidade da EDP-Energias de Portugal, S.A. Foi sócio fundador de duas empresas de produção independente de eletricidade a partir de fontes renováveis - Enersis e Noroeste.

Foi administrador da EDP – Energias de Portugal, S.A., membro do Conselho Diretor da COGEN Portugal, presidente do Conselho Científico do Centro de Energia Eléctrica do IST, membro do Senado da UTL, coordenador da Área Científica de Energia do IST.

Foi fundador e primeiro Presidente do Conselho de Administração do Taguspark – Parque de Ciência e Tecnologia da Área de Lisboa, projeto pioneiro em Portugal na promoção da ligação universidade – empresa e da inovação de base tecnológica. Foi condecorado com a Medalha de Mérito Municipal, grau ouro, pela Câmara Municipal de Oeiras.

Desempenhou funções de Secretário de Estado da Ciência e Tecnologia, no exercício das quais concebeu e promoveu a execução dos programas CIENCIA e STRIDE, co-financiados pelos fundos estruturais europeus.

Autor de várias dezenas de artigos e comunicações de natureza científica e tecnológica, e de mais de uma centena de intervenções públicas e artigos de opinião.